THE WALKING DEAD – 7 | LEPOPCAST 24

Lepopcast, Variedades| Visitas: : 1474

LEPOPCAST no ar! Atrasado, mais uma vez, mas no ar. E no episódio 24 do LEPOPCAST, “THE WALKING DEAD – 7” vamos comentar TUDO sobre a sétima temporada de The Walking Dead, e trazer mais informações extras e curiosidades pra você que é fã da série.

Como de costume, nós esperamos o hype passar, geral assistir e só então lançamos o episódio – pra ninguém reclamar de spoilers, e também para quem quer se preparar para a próxima temporada. Afinal, agosto já está chegando.

THE WALKING DEAD – 7 traz de volta os dois convidados que ajudaram a dar início aos nossos podcasts comentando The Walking Dead, Michelly “MIMI” Garrido, Alemão e de quebra, apresentamos um novo convidado, Cleiton Freitas, dono da página The Walking Dead Fans BR.

Pegue suas armas, seus taco de baseball, sua jaqueta de couro, o gel de cabelo, os fones de ouvido e acompanhe esse LEPOPCAST destrinchando a Sétima Temporada de The Walking Dead.

THE WALKING DEAD 7 - LEPOPCAST 24 - lepop

DOWNLOAD MP3 – LINK | Agregadores:  YouTUNER, Ouvindo Podcast

FEEDS: Lepop.com.br/feed | Feeds.Feedburner.com/Lepop

Apresentação: LLeo Favaretto, Carlo Barbagalo

AVISO!
Queremos aproveitar o momento pra avisar que o LEPOPCAST vai dar uma pausa por três (3) semanas, para ajustarmos alguns detalhes importantes e garantir que o podcast não passe mais pelos problemas que estamos passando no momento, que estão causando os atrasos nas publicações do LEPOPCAST.

Calma, o LEPOCAST não vai acabar. É só uma pausa por questões organizacionais.

O LEPOPCAST retorna entre julho e agosto.

Não deixe de assinar o nosso feed para receber as nossas atualizações.

 

Aqui fica registrado nosso agradecimento a Mimi Garrido, Alemão e ao Cleiton Freitas pela participação mais do que especial que possibilitou a gravação desse episódio sensacional do LEPOPCAST.

Se você gosta de se manter bem informado sobre The Walking Dead, então dá uma conferida lá na The Walking Dead Fans BR pra ficar por dentro de tudo sobre TWD.

Se você gosta de gameplays não pode deixar de acompanhar o trampo do Alemão:
YouTube
Twitter
Facebook

Sobre Bernie Wrightson

Como comentamos nesse episódio do LEPOPCAST, o diretor de maquiagem Greg Nicotero, responsável pelo visual dos zumbis de The Walking Dead, resolveu homenagear o ilustrador Bernie Wrightson, co-criador de O Monstro do Pântano, mudando a aparência dos walkers dos dois últimos episódios dessa sétima temporada da série da AMC, inspirado nas ilustrações de Wrightson. Então, abaixo vamos colocar algumas das ilustrações desse grande artista.

wrightson_spiderman - THE WALKING DEAD - 7 - LEPOPCAST 24 - lepop BernieWrightson_Frankenstein_p146-147 - THE WALKING DEAD - 7 - LEPOPCAST 24 - lepop

walking-dead-zombies1 - THE WALKING DEAD - 7 - LEPOPCAST 24 - lepop

Zumbis inspirados nos trabalhos de Bernie Wrightson | Credit: Gene Page/AMC

walking-dead-zombies2 - THE WALKING DEAD - 7 - LEPOPCAST 24 - lepop

Zumbis inspirados nos trabalhos de Bernie Wrightson | Credit: Gene Page/AMC

Bernie Wrightson nasceu em 27 de outubro de 1948, em Dundalk, Maryland, EUA.

Bernie ilustrou diversas HQs para Marvel Comics e DC Comics, para personagens como Batman, Homem-Aranha, O Monstro do Pântano, Lanterna Verde, O Incrível Hulk; além de ter ilustrado capas de autores como Mary Shelley e Stephen King, também ganhou o prêmio Inkpot Award por suas ilustrações.

Bernie Wrightson faleceu em 18 de março de 2017, em Austin, Texas, EUA, aos 69 anos.

 

Se você não ouviu o LEPOCAST 11, comentando a Sexta Temporada de The Walking Dead, é só clicar pra conferir. Você também pode ouvir pelo YouTube.

Não deixe de se inscrever em nosso canal pra ficar por dentro das novidades que virão. Curta a nossa página no Facebook, siga nosso Twitter. Compartilhe!

O LEPOPCAST vai ao ar toda terça-feira às 19h. Não perca! Assine o nosso FEED para receber as notificações de novos episódios do LEPOPCAST, fazer o download gratuito dos nossos Podcasts e escutá-los onde e quantas vezes quiser. No trânsito, na esteira, no avião; pelo PC, Tablet ou Smartphone.

________________________________________________________________________

CREDITS
All musics contained in this podcast episode are licensed under Creative Commons Attribution License and/or are Royalty Free Musics, or Public Domain Musics.

Royalty Free Musics and Public Domain Musics by:
https://freepd.com/
http://danosongs.com/
http://incompetech.com/
http://audionautix.com/
http://www.freesfx.co.uk
http://mcs.franknora.com/
http://www.unsignedbandweb.com
http://www.freemusicpublicdomain.com
http://audiomicro.com/royalty-free-music
https://www.youtube.com/user/AudioLibraryEN

Creative Commons Musics by:
http://freemusicarchive.org

Extracted Audio Files:
https://www.youtube.com/

SFX:
http://freesound.org/browse/
http://boodahjoomusic.com/blog/adobe-auditions-elusive-loopology-content/

Fair Use:

“Copyright Disclaimer Under Section 107 of the Copyright Act 1976, allowance is made for “fair use” for purposes such as criticism, comment, news reporting, teaching, scholarship, and research. Fair use is a use permitted by copyright statute that might otherwise be infringing. Non-profit, educational or personal use tips the balance in favor of fair use. No copyright infringement intended.”

LE|POP must state that in NO way, shape or form this web site intending to infringe rights of the copyright holder. Content used is strictly for research/reviewing purposes and to help educate. All under the Fair Use law.
LE|POP Not Own Anything. All the Rights in This Content Belong to Their Respective Owner/s.

 

________________________________________________________________________

SOBRE PODCASTING:

Não sabe o que é um Podcast? Não tem problema. Continue lendo esse texto que já vai aprender. E é possível garantir que quanto mais Podcasts conhecer, mais vai se interessar em continuar conhecendo e acompanhado.

 

 

O QUE É UM PODCAST?

Se você é novo na Podosfera e não tem a menor ideia do que é um Podcast, esse texto é pra você, e vai te ajudar a desmistificar muita coisa sobre essa mídia fantástica. E como se trata de uma mídia em crescimento é comum que poucas pessoas saibam do que se trata. Por isso esse texto vai acompanhar todas as publicações do LEPOPCAST para que todos os novos ouvintes/assinantes tenham acesso a essas informações.

Pra que você entenda de fato o que é um Podcast e como este funciona, precisa saber o que o possibilita, quais as tecnologias envolvidas por trás dessa mídia pra que entenda a ideia a mesma.

A internet possibilitou a troca de informação entre pessoas das mais variadas partes do mundo, em tempo real, sem barreiras. E quando falamos em trocar informações não falamos apenas em conversa, mas também em troca de arquivos. Seja arquivo de texto, áudio, imagem… Basta um clique, e voilà.

Dentre todas as tecnologias que vieram com a internet, a possibilidade de armazenamento de conteúdo e de compartilhamento de conteúdo foram as principais influenciadoras do Podcast. E isso porque a pessoa que ouve um Podcast não é necessariamente um “ouvinte”, mas um assinante, pois você literalmente faz uma assinatura para acompanhar as novas publicações, os novos episódios do seu(s) Podcast(s) favorito(s). Por isso agregar e compartilhar um determinado tipo de conteúdo é tão importante.

Toda essa comodidade de receber o conteúdo na hora que este é publicado só é possível graças ao FEED RSS (Really Simple Syndication – algo como “Averiguação Realmente Simples“), que nada mais é do que uma forma simples de você entregar um conteúdo determinado para pessoas que se interessem pelo mesmo.

Num primeiro momento, o RSS funcionava como um News Feed, como uma forma de divulgar informações, geralmente em texto, como funcionava o saudoso Google Reader.

Em 2004, Dave Winer liderou uma equipe de desenvolvedores que vieram a implementar o que passou a ser conhecido como Feed RSS Enclouser, a partir do RSS 2.0. Essa nova tecnologia permitia “anexar” arquivos – na verdade, o que essa tecnologia passou a permitir foi que além da informação em texto, agora era possível disponibilizar o caminho para um arquivo de mídia, tanto imagem, áudio ou vídeo.

Um ano depois, em 2005, um até então VJ da MTV chamado Adam Curry, teve a brilhante ideia de disponibilizar o áudio do seu programa na MTV para o seu público. Com isso, Curry foi a primeira pessoa a criar uma forma de anexar o caminho para um arquivo de áudio através do iPod e, pelo iPOD fazer broadCAST. Então surge o Podcast.

Adam Curry ficou conhecido como The Podfather, trocadilho com The Godfather, título original de O Poderoso Chefão.

Certo, agora que você conhece toda tecnologia e a história por trás dessa mídia cada vez mais crescente, fica mais fácil dar um conceito adequado sobre o que de fato é um Podcast.

 

CONCEITO DE PODCAST

“Podcasting é um meio de publicação de arquivos de mídia digital através de feed RSS, o que permite aos assinantes o acompanhamento ou download automático do conteúdo à medida que é atualizado” (Léo Lopes, criador, produtor, âncora e editor do Podcast Radiofobia, editor do Nerdcast, dentre outros, e idealizador do Curso de Podcast).

 

CARACTERÍSTICAS DO PODCAST

  • Conteúdo on demand: o assinante é que escolhe aqui que mais lhe agrada ouvir;
  • Flexibilidade: o assinante escuta o que, quando, onde e o quanto quiser. E o produtor/apresentador pode falar sobre o assunto que quiser;
  • Portabilidade: o assinante pode carregar seu(s) Podcast(s) favorito(s) consigo para onde quiser, uma vez que só precisa de um smartphone qualquer outro aparelho portátil que toque MP3. Basta ter um aplicativo de sincronização de Podcasts, escolher seu programa favorito, sincronizar e ouvir – ou fazer o download para ouvir posteriormente;
  • Interatividade: o assinante tem fácil acesso aos produtores de seu Podcast favorito. Seja através de email, fórum, mídias sociais, comentários no site…
  • Fidelização: uma vez que se gosta do conteúdo de um determinado Podcast, sua fidelização é basicamente instantânea;
  • Engajamento: essa mídia é basicamente um vício tanto pra quem ouve como pra quem produz. Comumente se vê apresentadores de Podcasts sendo convidados para participarem de outros Podcasts, o que gera uma divulgação mútua. E quando menos se espera, lá está o ouvinte conhecendo mais Podcasts, assinando esses conteúdos, compartilhando e, em muitos casos, querendo criar seu próprio programa (acredite, sou prova viva disso);
  • Liberdade: você não precisa ficar preso a uma tela para acompanhar o conteúdo, pois se trata justamente de uma mídia de áudio. Mesmo no caso de Podcasters que hoje também passaram a compartilhar seus programas no YouTube, o assinante não se prende a “tempo de tela”. Pode muito bem deixar o episódio rolando e ouvir enquanto faz outra coisa.

 

COMO ASSINAR UM PODCAST?

Pra assinar um Podcast, se cadastrar em nosso FEED, receber nossas notificações pelo seu celular e até mesmo programar seu smartphone pra baixar o LEPOPCAST pra você, basta instalar qualquer aplicativo de busca de podcast no seu Smartphone (seja Android, iPhone ou Windows Phone) e seguir as instruções do app. Você pode buscar/encontrar seu Podcast favorito pelo nome, título de episódio específico, pela URL do feed, pelo YouTube… Pode inclusive baixar podcasts direto do iTunes. Pronto. Bem vindo à Podosfera. Um universo de histórias, sotaques, contos e causos, motivacionais, institucionais, informativos, divertimento, entretenimento e muito, muito mais.

 

O LEPOPCAST é o Podcast semanal do LEPOP, e vai ao ar toda terça-feira às 19h, sempre com um tema ligado à cultura pop, ou com entrevistas das mais diversas. Sempre levando informação, entretenimento e diversão ao seu dia.

Assine o nosso FEED para receber as notificações de novos episódios do LEPOPCAST e fazer o download gratuito dos nossos podcasts e escutá-los onde e quantas vezes quiser. No trânsito, na esteira, no avião; pelo PC, Tablet ou Smartphone.

E você? O que achou desse Podcast sobre THE WALKING DEAD? Deixe aí nos comentários pra gente saber. Conta aí.

Gostou? Então baixe o episódio, compartilhe com seus amigos e não deixe de se inscrever em nosso canal do YouTube, curtir nossa página no Facebook, seguir a gente no Twitter. E, claro, deixar aquele joinha e comentar.

Compartilhe: