OS DEFENSORES | CRÍTICA

Series e TV| Visitas: : 259

Os Defensores foi lançado, assim como o alvo da recente crítica (Death Note) aqui no site, pela Netflix em parceria com a Marvel Studios em 18 de Agosto de 2017, e deixou a desejar em diversos aspectos, mas ainda assim pode valer algumas horas de entretenimento.

Pra variar, o texto a seguir não possui spoilers.

Os Defensores - Crítica - lepop

E aqui já deixo meu muito obrigado à Sigourney Weaver, eterna Ripley, que fez uma ótima atuação mesmo que como a vilã cartunesca, Alexandra

Bom, após uma sequência de séries solo dos queridos “heróis de subúrbio” da Marvel, finalmente pudemos ver o que aguardávamos desde a parceria anunciada em 2014, entre Netflix e MarvelOs Defensores nos traz a união dos heróis Luke Cage (Carl Lucas/Mike Colter), Punho de Ferro (Danny Rand/Finn Jones), Demolidor (Matt Murdock/Charlie Cox) e Jessica Jones (Jessica Jones/Krysten Ritter), afim de enfrentar a ameaça d’O Tentáculo (originalmente conhecido como The Hand nas HQ’s).

Os Defensores - Crítica - lepop

Os Defensores nos traz uma mescla de satisfação e confusão ao vermos os queridos personagens todos juntos, porém com certos “desvios de conduta” em relação ao que nos foi apresentado em suas séries solo – caso explícito esse no caso de Danny Rand, que “abandona” a vibe de dramatização e seriedade, para refinar um senso de humor (antes não existente) e ser o “brincalhão” da equipe.

Mas apesar desses erros de “continuidade lógica” em relação à personalidade de alguns personagens, talvez o que mais cause estranheza a quem assiste, seja o fato dos cenários e paletas de cores de cada Defensor continuarem distintos ainda durante o início da série que os une (e isso parece um tanto contraditório, no entanto com certeza proposital), porém esse mesmo aspecto vai “desaparecendo” ao decorrer dos episódios, e o quanto antes deixa de ser perceptível até desaparecer.

Os Defensores - Crítica - lepop

É notável quão diferentes são os “jogos de cores” de cada um.

Contudo, mesmo com essas inconformidades, o que mais gera confusão é como Luke Cage consegue apanhar tanto? Conhecemos o personagem e o “veneramos” exatamente por sua força e resistência, e esses aspectos parecem ter sido deixados totalmente de lado, indo à deriva do esquecimento no mesmo barco que a dramatização e enredo construído com o personagem de Finn Jones.

Os Defensores - Luke Cage - Crítica - lepop

Eu esperava mais de ti Luke…

Mas vendo os pontos positivos, antes que me julguem um “hater”…

Os Defensores traz aos fãs do Universo Cinematográfico Marvel a união de diversos heróis bem construídos, em sequências de combate muito bem trabalhadas. E fora toda a ação (que é realmente muito boa durante a série como um todo) os diálogos que desenvolvem ainda mais a personalidade de cada um dos Defensores também chegam a cativar quem assiste (principalmente nas ótimas interações entre Charlie CoxKrysten Ritter), e grande parte disso se deve ao carisma dos atores.

A série também acerta no ritmo em que dita a história, “acelerando e freando” a trama a cada momento e cena exigida, conseguindo causar uma certa curiosidade, essa que leva o telespectador a seguir assistindo um episódio seguido do outro. Porém… Como nada é perfeito, isso só vem a ocorrer à partir do 3° e 4° episódios, o que levanta a questão: “E os primeiros, como são?“. Bom, resumidamente, um saco, até porque os dois personagens que teoricamente deveriam cativar com humor, perdem toda a cena ao serem introduzidos num mesmo cenário com o Demolidor e a Jones.

Os Defensores - Crítica - lepop

Eram realmente muito coloridos, mas só nas HQ’s que isso ficava “aceitável” né.

VEREDITO

Enfim, Os Defensores poderia sim ter sido uma série mais “lapidada” e ter se dado ao trabalho de lidar melhor com as reformulações repentinas de alguns personagens, e apesar do enredo e de cenas de luta fazerem valer o seriado, não diria que passe muito além de algo que só assistiria em um domingo entediado após assistir minha série favorita. Entretanto, esperamos que a construção feita dos personagens durante os episódios, sejam ao menos base para uma reformulação mais sólida em suas próximas temporadas, sejam elas solo ou em conjunto ainda.

 

FICHA TÉCNICA

Título Original: The Defenders
Lançamento: 18 de agosto de 2017

Diretores: S.J. Clarkson, Phil Abraham, Farren Blackburn, Uta Briesewitz, Félix Enríquez Alcalá, Peter Hoar, Stephen Surjik.

Roteiristas: Douglas Petrie, Marco Ramirez, Lauren Schmidt, Drew Goddard.

DEFENSORES é uma criação de Roy Thomas e Ross Andru.

Elenco: Charlie Cox, Krysten Ritter, Mike Colter, Finn Jones, Elodie Yung, Jessica Henwick, Scott Glenn, Sigourney Weaver, Rosario Dawson, Wai Ching Ho, Elden Henson, Simone Missick, Yutaka Takeuchi, Eka Darville, Ramon Rodriguez, Rachael Taylor, Deborah Ann Woll, Babs Olusanmokun, Michelle Federer, Chloe Levine, J. Mallory McCree, Ron Simons, Debbi Morgan.

Como sempre enfatizamos: No final das contas, indiferente de críticas e de críticos, o que realmente importa é se VOCÊ gostou ou não do filme.

Gostou da crítica? Então compartilhe com seus amigos e não deixe de se inscrever em nosso canal do YouTube, curtir nossa página no Facebook, seguir a gente no Twitter. E, claro, deixar aquele joinha e comentar.

Aproveite também pra ler outras das nossas críticas.

 

Compartilhe: