Le|Pop
sandman-banner-lepop

SANDMAN VAI VIRAR SÉRIE NA NETFLIX | CONHEÇA A HISTÓRIA E CURIOSIDADES DA HQ

No EPISÓDIO 57 DO LEPOPCAST, nós comentamos sobre diversos títulos que poderiam alavancar a receptividade das produções da Netflix e tirar a empresa da sinuca de bico em que se encontra. E, ao que tudo indica, os executivos da Netflix estão escutando o LEPOPCAST, porque SANDMAN, a aclamada HQ do escritor Neil Gaiman, também citada no podcast, vai virar série.

O site The Hollywood Reporter (THR) foi o primeiro a divulgar os rumores e logo na sequência (01 de julho) a Netflix oficializou a produção de SANDMAN em seu Twitter.

Além disso também divulgou a sinopse prévia de SANDMAN:

“Uma rica mistura de mitos modernos e fantasia sombria em que ficção moderna, drama histórico e lendas estão perfeitamente interlaçadas, Sandman segue as pessoas e locais afetados por Morpheus, o Senhor dos Sonhos, enquanto ele conserta os cósmicos – e humanos – erros que fez durante sua vasta existência”.

DIVERSAS TENTATIVAS, FINALMENTE ADAPTADO

Por mais de três anos a New Line tentou adaptar a graphic novel para as telonas, sem sucesso. Mas um acordo financeiro descrito como “massivo” foi firmado entre a Warner Bros Television e a Netflix para finalmente adaptar SANDMAN, o Best-seller de Neil Gaiman em um live-action. E segundo as fontes do THR essa é a produção mais cara já feira pela DC Entertainment até o momento. A série contará com 11 (onze) episódios.

Allan Heinberg (Grey’s Anatomy, Mulher-Maravilha) deve assinar o roteiro bem como assumir o posto de Showrunner. Niel Gaiman será o produtor executivo em conjunto com David Goyer, retomando a parceria que tentou, inúmeras vezes, levar a HQ aos cinemas.

A Warner já tentou adaptar SANDMAN desde a década de 90 e até o ator Joseph Gordon-Levitt já esteve envolvido no projeto. Levitt queria dirigir e estrelar o longa, mas abandonou o projeto por diferenças criativas com a WB. Na sequencia, o roteirista Eric Heisserer deixou o barco alegando que a TV seria o melhor meio de mostrar a história de MORPHEUS para o público.

Cheguei à conclusão que a melhor versão desta propriedade é como uma série da HBO ou uma série limitada, não como um filme, nem como trilogia”. Essa foi a declaração de Heisserer na época.

A graphic novel de Neil Gaiman narra a história de MORPHEUS na série que serviu de alicerce para o gênero de quadrinhos adultos nos anos 90, misturando ficção, drama, história, fantasia, lendas modernas e um tom denso e cheio de misticismo, característico da escrita de Gaiman.

SANDMAN é a obra máxima quando se refere a Neil Gaiman e sua antologia. Foi publicada entre 1989 e 1996 e se tornou um Best-seller. Hoje, o Box completo com todas as edições de SANDMAN pode custar em torno de mil reais – podendo valer bem mais que isso em casos de edições autografadas pelo autor.

Agora que você já sabe sobre a produção da série que tal ficar sabendo mais sobre as curiosidades da HQ que inspiraram a adaptação?

sandman-morpheus-lepop
Morpheus

CONHECENDO A HISTÓRIA DAS HQs DE SANDMAN

Publicada pelo selo Vertigo, da DC Comics, SANDMAN é a mais premiada e aclamada obra do escritor e roteirista inglês Neil Gaiman. Contando com ilustradores renomados como Dave McKean, Bill Sienkiewicz, Sam Keith, Miguelanxo Prado, Charles Vess, J. H. Williams III, Milo Manara, Jill Thompson, Michael Zulli, Marc Hempel, Shawn McManus e Mike Dringenberg, a história de SADMAN acompanha a trajetória de SONHO, também conhecido como MORPHEUS, o governante do Sonhar, o Mundo dos Sonhos, e sua interação com os seres humanos, demais criaturas e o universo.

SANDMAN foi a primeira HQ a entrar para a lista de Best-sellers literários do The New York Times e foi descrita como “quadrinho para intelectuais”.

MORPHEUS, SONHO, SANDMAN, ONEIROS, MOLDADOR, KAI’CKUL, SENHOR DOS SONHOS e vários outros nomes em línguas esquecidas são atribuídos ao protagonista da história que é um dos SETE PERPÉTUOS, que são as manifestações antropomórficas dos aspectos comuns a todos os seres vivos. São eles: DESTINO, MORTE, SONHO, DESTRUIÇÃO, DESEJO, DESESPERO e DELÍRIO. Os SETE PERPÉTUOS não são deuses, mas entidades responsáveis pelo ordenamento da realidade conhecida. Só sua existência mantém a coesão entre o universo físico e todos os seres vivos.

Toda a trama de SANDMAN se inicia quando um grupo de humanos tenta aprisionar sua irmã mais velha, a MORTE, para assim se tornarem imortais, mas acabam falhando na empreitada e aprisionam SONHO.

sandman-perpetuos-lepop
Os Sete Perpétuos

O SONHAR – O REINO DE MORPHEUS

O Reino de MORPHEUS está ligado às mentes de todos os seres vivos. Esse é O SONHAR. É para lá que vão as almas daqueles que dormem e onde são guardados lembranças e pensamentos na hora do sono. O SONHAR guarda ainda o Mundo Imaginário de cada sonhador, onde várias realidades alternativas e seres imaginários se escondem. Há ainda uma biblioteca que abriga bilhões de livros que nunca foram escritos.

Toda a sanidade mental dos seres depende da boa administração desse reino e MORPHEUS é exímio em desempenhar suas funções, além de parecer o único PERPÉTUO a povoar seu reino. Por exemplo, no SONHAR vivem Caim e Abel. E de acordo com o próprio MORPHEUS, os deuses são gerados em seu reino, nascendo como sonhos e só então assumindo o papel de divindades.

 MORPHEUS habita em um castelo, junto com todo o resto do SONHAR. Esse castelo muda de aspecto à sua vontade, porém mantém algumas áreas intactas como cortesia aos habitantes. Há também empregados que executam tarefas coordenadas por MORPHEUS.

sandman-neil-gaiman-2-lepop
Neil Gaiman

OS PERPÉTUOS, OU OS SEM FIM

PERPÉTUOS, ou SEM FIM são os seres que personificam vários aspectos do universo nos quadrinhos da série SANDMAN. DESTINO, MORTE, SONHO, DESTRUIÇÃO, DESEPERO e DELÍRIO são seus nomes e estes existem desde a aurora dos tempos. Acredita-se que sejam os seres mais poderosos/influentes no universo SANDMAN, inferiores apenas a alguns anjos, como LÚCIFER e MIGUEL e ao CRIADOR, além de desempenharem um papel crucial na história de SANDMAN.

OS PERPÉTUOS são uma família nada convencional de sete irmãos. Quando em suas formas comuns, apresentam pele branca, pálida e em sua maioria com cabelos negros, mas as aparências e personalidades variam bastante. Exercem controle sobre os conceitos que representam, mas também são modelados a partir de expectativas e crenças subconscientes dos seres conscientes. Um exemplo disso é o próprio MORPHEUS, sua aparência varia muito de acordo com o observador.

sandman-perpetuos-2-lepop

OS ARCOS DA HISTÓRIA DAS HQs

SANDMAN é uma obra que conta com um total de 13 arcos originais distribuídos em 75 volumes que narram toda a trama de MORPHEUS e seus irmãos, OS PERPÉTUOS.

Abaixo, a relação de arcos e, entre parênteses, as edições que compõem cada arco:

01 – Sandman: Prelúdios e Noturnos (01 a 08);
02 – Sandman: A Casa de Bonecas (09 a 16);
03 – Sandman: A Terra dos Sonhos (17 a 20);
04 – Sandman: Estação das Brumas (21 a 28);
05 – Sandman: Espelhos Distantes (29 a 31 e 50);
06 – Sandman: Um Jogo de Você (32 a 37);
07 – Sandman: Convergência (38 a 40);
08 – Sandman: Vidas Breves (41 a 49);
09 – Sandman: Fim dos Mundos (51 a 56);
10 – Sandman: Entes Queridos (57 a 69);
11 – Sandman: Despertar (70 a 73);
12 – Sandman: Exílio (74);
13 – Sandman: A Tempestade (75).

Inicialmente, SANDMAN foi publicado como uma série mensal. As histórias tinham cerca de 24 páginas, com oito exceções dentro do arco de histórias principal:

Edição 01 – O Sono dos Justos (40 páginas);
Edição 14 – Os Colecionadores (38 páginas);
Edição 32 – Chacina na Quinta Avenida (25 páginas);
Edição 33 – Cantigas de Ninar da Broadway (23 páginas);
Edição 36 – Sobre o Mar, Rumo o Céu (39 páginas);
Edição 50 – Espelhos Distantes: Ramadã (32 páginas);
Edição 52 – O Conto de Cluracan (25 páginas);
Edição 75 – A Tempestade (38 páginas).

A série principal durou 75 edições, que foram publicadas entre janeiro de 1989 e março de 1996, contando com uma Edição Especial intitulada A CANÇÃO DE ORFEU, publicada em 1991, e alguns contos publicados nas antologias do selo Vertigo.

Com o aumento de popularidade de SANDMAN, a DC Comics passou a publicar o título em capa dura e brochura, cada uma com um arco completo e/ou uma coleção de contos relacionados ao cânone.

sandman-neil-gaiman-lepop

Em 2006, com o aniversário de 10 anos do fim da série, SANDMAN foi republicado em uma nova edição, a ABSOLUTE EDITION (Edição Definitiva, no Brasil). A Edição Definitiva é uma edição de luxo e reúne todo o material da série escrita por Neil Gaiman, por isso exclui os spin-offs de outros autores. A edição é composta por cinco volumes de aproximadamente 600 páginas cada, além de uma edição extra dedicada a MORTE, irmã de MORPHEUS, e reúne todas as histórias da PERPÉTUA criadas por Neil Gaiman totalizando cerca de 300 páginas.

E finalizando as publicações aglutinadas de SANDMAN, ainda há a THE ANNOTED SANDMAN (Sandman – Edição Comentada, no Brasil), SANDMAN OMNIBUS (Sandman – Edição Omnibus) e a SILVER EDITION. Cada qual com suas curiosidades.

A EDIÇÃO COMENTADA não era algo que agradava Gaiman inicialmente. O autor achava desnecessário esse tipo de material… Até que Gaiman mudou de ideia quando um leitor fez uma pergunta sobre algumas referências da obra e Gaiman não conseguia se lembrar. Leslie S. Klinger, amigo de Gaiman, foi quem auxiliou com a tarefa de comentar SANDMAN a partir dos roteiros originais entregues a ele pelo autor.

SANDMAN OMNIBUS é uma edição de capa dura em dois volumes, lançada em 2013 para comemorar os 25 anos de SANDMAN. E, além da história original ainda reúne contos extras. Os volumes têm capa semelhante a couro, em preto e vermelho, com mais de mil páginas cada.

SANDMAN SILVER EDITION, por sua vez, é uma edição especial de SANDMAN OMNIBUS, numa versão limitada a 500 copias autogradas por Neil Gaiman. A SILVER EDITION tem capa prateada semelhante a couro e acompanha box prateado e uma página numerada com a assinatura de Gaiman.

sandman-reuniao-lepop

Bom, agora você já conhece a história dos personagens de SANDMAN, descobriu algumas curiosidades a respeito, se informou sobre a produção da série para a Netflix e de quebra ainda ficou sabendo que no episódio passado do LEPOPCAST a gente especulou a possibilidade de SANDMAN e outros títulos famosos virarem adaptações na Netflix, seja em série, seja em filme. E eu aposto que você tá na curiosidade pra saber quais outros títulos a gente mencionou, né? Será que os executivos da Netflix andam ouvindo o LEPOPCAST?

Se eles escutam o nosso podcast eu não posso afirmar, mas posso te convidar a ouvir o episódio em que propomos certos títulos para a gigante de streaming é só clicar:

LEPOPCAST 57 | SALVANDO A NETFLIX

Ah! Já ia esquecendo, deixa o comentário aí dizendo o que você espera de SANDMAN.
Até a próxima.

E aí, curtiu? Então compartilhe com geral e mostre o LEPOP pra mais gente.

Acompanhe mais do LEPOP:
Gosta de Contos e Literatura? Então conheça o CRONICANDO
Gosta de Games? Então dê uma conferida no LEPOPGAMES e no QUICK MATCH
Gosta de Podcast? Então ouça o LEPOPCAST.
Gosta de Action Figures? Então acompanhe o LEPOP ACTION REVIEW.

E aproveite pra se inscrever em nosso canal do YouTube, curtir nossa página no Facebook, seguir a gente no Instagram, no Twitter. Assim você fica por dentro de todas as novidades.


Luiz Leonardo Favaretto

Formado em Gestão em TI, apaixonado por bodybuilding, cultura pop e economia. Gosta de escrever sobre os mais variados temas. Tem planos de lançar uma saga medieval que já vem escrevendo há algum tempo, enquanto se diverte tecendo contos de ação, suspense e terror. Adora podcasts, cinema e vê no mundo das histórias uma das mais fantásticas formas de expressar toda a criatividade humana.